App Android: Spellbook: Hearthstone

Sem TítuloSem TítuloSem Título

Spellbook: Hearthstone é uma aplicação destinada aos jogadores do Hearthstone produduzido pela Blizzard, onde poderá obter toda a informação sobre o jogo, desde noticias, construção e simulação de deck’s, assim como toda a informação relativa Às cartas de jogo.

No fundo é uma “Bíblia” sobre o jogo onde os mais aficionados poderão encontrar as mais variadas informações que posteriormente poderão usar no jogo.

Poderá fazer o download do Spellbook: Hearthstone Aqui:

O Download poderá ainda ser feito directamente da PlayStore.

Share

Será realizado no próximo dia 24 de Abril nas instalações da Microsoft em Lisboa o Games Pizza Night: Spring Edition.

Um evento reúne alguns dos melhores programadores / designers e entusiastas na programação de jogos para as plataformas Windows.

Poderá obter mais informação Aqui:

Share

Windows Phone Game: RunToEscape

run_menu

RunToEscape é um pequeno jogo para Windows Phone que começou a ser pensado, idealizado e implementado por mim durante a edição VII do Codebits.

Trata-se de um um jogo simples, onde o objectivo principal e escapar aos Inimigos duantre o máximo de tempo possível, enquanto apanhamos os Bónus que nos dão alguns pontos extra.

Em boa verdade este é o meu primeiro jogo desenvolvido, pelo que é muito simples mas que mesmo assim pode levar a bons momentos de diversão.

Aqui fica um pequeno Vídeo com o GamePlay do RunToEscape.

 


O download poderá ser feito na Windows Phone Store Aqui:

Façam Download, testem e deixem a vossa opinião sobre este pequeno jogo. Com isso poderei tentar melhorar no futuro…

Share

Slackel 6.0 “Openbox”

Foi recentemente anunciado o por Dimitris Tzemos o lançamento do Slackel 6.0 “Openbox” que é uma distribuição GNU/Linux baseada em Slackware.

Integrando o Kernel Linux 3.10.30, tem as mais recentes atualizações da distibuição Linux Slackware.

Poderá Obter mais Informação Aqui:

O Download poderá ser Feito Aqui:

Share

ubuntukylin

Terminou o conflito entre Ubuntu e Linux Mint, após uma longa disputa pelo direito de referenciar os reposítorios da empresa.

Inesperada foi a solução conhecida, onde o código-fonte incluído o ambiente grádifico Cinnamon e Mint Tools, assim como o domínios e o conteúdo dos sites do Mint Linux foram comprados pela Canonical por um valor não revelado.

Tanto quanto se sane a Canonical pretende usar o Mint Linux como vertente de densenvolvimento experimentar orientada específicamente a Smart TVs.

Nada boas noticias para mim que já à muito prefiro o Mint Linux como distribuição Linux ao Ubuntu.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...Share